Voltar

Importância da mastigação para a fala das crianças

A mastigação é um ato de desmanchar e triturar o alimento, preparando-o para a deglutinação, onde são utilizadas distintas partes do sistema mastigatório, tais como os dentes, músculos, articulações, lábios, mandíbula, paladar, língua e saliva.

A nossa mastigação envolve processos mecânicos, biomecânicos, bacteriológicos e enzimáticos e a associação deles é que promove uma mastigação saudável. Além disso, os movimentos da língua, lábios e mandíbula são de extrema importância para o processo e auxilia na estimulação da musculatura da boca e nas articulações.

O estímulo à criança da mastigação é importante para a musculatura orofacial e promove movimentos precisos e coordenados, necessários para a deglutição madura e para a fala. Esta decorre desses movimentos e é por isso que é recomendado que os pais introduzam alimentos sólidos na dieta da criança, quando for recomendado por especialistas. Outrossim, incentivar a criança a mastigar bem é importante para evitar riscos de engasgo ou asfixia.

O aleitamento materno é a primeira forma de estimular a movimentação dos músculos da face. Antes do nascimento dos dentes já é possível oferecer alimentos sólidos para as crianças (com a supervisão de um adulto) para que ela segure, leve a boca e realize o processo de chupar o alimento.

A partir do nascimento dos dentes (mesmo que apenas na parte da frente), a criança já é capaz de exercitar a mastigação, através da pressão entre as gengivas, estimulando o crescimento dos demais dentes.

A mastigação está completamente desenvolvida por volta dos 4 a 5 anos de idade, tempo suficiente para treinar e amadurecer o sistema mastigatório, tornando-se estável quando completa a primeira dentição.

Para a criança se sentir mais convidativa aos alimentos, existe a possibilidade da variação das cores e das texturas. Dessa forma, a tendência é o interesse pelo alimento aumentar e, assim, se alimentar melhor. Aliado a isso, o ideal é que as refeições sejam em um momento tranquilo, sem distrações, facilitando, assim, a percepção dos sabores, texturas e a melhor digestão.

Assine nossa newsletter