Voltar

5 dicas para manter o romance vivo após a chegada dos filhos

Está difícil manter o romance vivo depois de tantos anos de casados? Não se preocupem, muitos casais passam por uma fase mais fria no relacionamento, principalmente se vocês têm filhos. Com o passar do tempo, manter o amor, união, prazer e sintonia passa a ser um grande desafio, mas com dedicação e interesse do casal essa fase pode sumir pra nunca mais voltar.
São atitudes simples, mas quando praticadas diariamente fazem a diferença!

E já que hoje é o Dia dos Namorados, separamos algumas dicas que pode ajudar a manter a chama acesa do relacionamento pra sempre.

 

Reserve um tempo a sós

Você com certeza já deve ter lido em algum lugar a importância de reservar um tempinho para o casal na agenda né? É porque isso é realmente necessário para a construção de relacionamento saudável, principalmente após a chegada dos filhos. E não se trata necessariamente sobre sexo (mas também pode ser!), mas sim se distrair um pouco e aproveitar um tempo exclusivamente de casal.

Relembre programas que faziam na época do namoro, como sair com os amigos, ir ao cinema, teatro, sair para jantar… Ou qualquer outro programa romântico que resgate a paixão entre vocês!
Aqui o que vale não é a quantidade, mas sim a qualidade do tempo juntos, por isso nesse momento se desligue um pouco das crianças, do trabalho ou das tarefas domésticas e esteja inteiramente presente aproveitando cada segundo com o seu parceiro.

Claro que nem todos os casais tem uma rede de apoio para ajudar a ficar com as crianças, então esse tempo a sós pode ser até um filme na TV de casa mesmo depois que os pequenos dormem.

Vamos falar de sexo?

É comum que muitos casais se distanciem e o relacionamento esfrie, deixando o sexo sem graça. Isso pode ser consequência da falta de tempo ou até mesmo de interesse! A falta de tempo dificulta e o trabalho e as crianças demandam tanto esforço que a noite a prioridade acaba sendo só dormir. Mas se você quer acender a chama e resgatar aquela química que vocês tinham, coloque o sexo como prioridade. E quando, por algum motivo, existir a falta de interesse pelo sexo, converse com seu parceiro(a). O diálogo é sempre o melhor caminho.

 

A comunicação é a chave

A base de todo relacionamento é uma boa conversa e absolutamente tudo pode ser resolvido com o diálogo. O seu parceiro deve ser o seu melhor amigo, por isso sinta-se a vontade para conversar sobre qualquer assunto.

Sejam sempre honestos sobre seus sentimentos, desejos, decepção, medos… Estejam abertos para conversar sobre as questões financeiras, trabalho, sonhos individuais, educação das crianças, sexo… Tudo mesmo! A comunicação deve ser aberta e honesta, pois quando você esconde alguma coisa isso pode crescer dentro de você e causar uma explosão. Às vezes uma atitude que tanto te incomoda, pode não estar muito clara para o seu parceiro, e no diálogo pode se resolver.

 

Ajuste as expectativas

Às vezes o parceiro(a) não tem a sensibilidade para entender quais são as expectativas um do outro. Isso é muito comum. E assim, acabam entrando em discussões que seriam facilmente resolvidas com um ajuste de expectativa. Deixe o outro saber o que você espera e entenda também quando a pessoa for incapaz de de atender os seus desejos.
Muitas vezes o problema está em esperar do parceiro(a) algo que ele(a) não é capaz de ser ou fazer. E tudo bem! Um relacionamento é feito de duas pessoas que estão dispostas a abrir mão única e exclusivamente dos seus desejos e são capazes de entender e aceitar as limitações do outro.

Gratidão e reconhecimento

Demonstrar carinho, admiração e gratidão pelo seu parceiro(a) são ‘’remédios’’ perfeitos para a cura do distanciamento emocional. Manter um relacionamento saudável é um trabalho que exige esforço e dedicação e simples elogios, agradecimentos, perdão, reconhecimento… São atitudes que fazem a diferença! Portanto ao invés de ficarem sempre encontrando falhas ou desculpas, procure encontrar pontos positivos que você gosta no seu parceiro e não deixe de expressá-los.

 

Todo mundo fala que o início de um relacionamento é sempre a melhor fase do casal, mas não precisa ser assim. Use a intimidade, amizade e companheirismo que vocês construíram ao longo do tempo a favor e transforme o hoje, o agora na melhor fase de vocês!

Equipe Empório da Papinha

Assine nossa newsletter